A Heráldica

EXÉRCITO

Heráldica é a ciência que tem por objectivo o estudo das Armas – emblemas cromáticos distintivos de uma família, de uma comunidade, de um grupo ou de um  indivíduo – e, complementarmente a Arte da sua ordenação e descrição escrita e iconográfica.
Estruturada a partir de usos e tradições anteriores ao século XIII, a sua evolução, apesar de eruditos trabalhos de investigação que lhe têm sido dedicados, contém ainda pontos de pormenor que constituem matéria controversa para os especialistas. Mas as grandes linhas desse processo secular são hoje consideradas como definitivamente assentes.

O esforço de integrar num todo coerente tendências anteriores altamente diversificadas – quando não divergentes – levou à enunciação de um número restrito de princípios gerais que garantissem, na prática, uma ampla liberdade no campo da sua aplicação.
E foi a partir das leis da iluminura, das Proporções, da Estilização e da Simplicidade – leias que constituem o corpo formal da Heráldica Geral – que se tornou possível uniformizar certos procedimentos e definições.
É por exemplo hoje em dia matéria pacífica:

– Serem as Armas emblemas em cores.
– As cores Heráldicas serem simples e em número restrito.
– As Figuras serem estilizadas.
– O suporte normal das Armas – ainda que outros possam ser utilizados
– ser o escudo.

O desenho das armas não é considerado fundamental em heráldica pois ele resulta em especial, da forma do escudo que for utilizada e do estilo e habilidade do desenhador e, assim as mesmas armas podem apresentar visualizações diferentes sem que heraldicamente possam, ser consideradas incorrectas. Neste aspecto as armas diferenciam-se dos emblemas e das marcas actuais onde o desenho é obrigatoriamente fixo, podendo apenas sofrer alterações por ampliação ou redução da matriz inicial.

A partir deste núcleo central da Heráldica, foram-se ao longo do tempo, desenvolvendo ramos especiais adequados aos variados campos de aplicação.
Assim podemos hoje encontrar, entre outras a: Heráldicas das famílias – relativa ás armas que heraldicamente são transmitidas aos descendentes; – a do Trabalho – referente ás corporações de cada profissão; – a Eclesiástica – privativa dos dignitários e sedes da igreja; a Militar – específica do foro castrense e, como tal, dos diversos Ramos que compõem as Forças Armadas.
Ainda que prevalecente no fundo e na forma, a separação entre estas categorias só raramente aparece claramente demarcada nas representações simbólicas actuais.

Anúncios

2 pensamentos sobre “A Heráldica

  1. Muito bom dia. Sou antiga aluna do Instituto de Odivelas e precisava do brasão de armas em alta resolução (vetorial de preferência). Onde posso fazer o respetivo dowload?

    Liked by 1 person

    • Bom dia Maria João Monteiro Grilo Lema Santos, terei muito gosto em enviar-lhe o respectivo brasão via email e sem as marcas de água da página, basta que me indique um endereço para o poder fazer.
      os melhores cumprimentos.
      Nuno Chaves

      Gostar

Deixe uma Resposta para Maria João Monteiro Grilo Lema Santos Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s